Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

  

 

Planeta Criança



Poesia & Contos Infantis

 

 

 


Edgar Wallace
Edgar Wallace

Edgar Wallace

 

 

Edgar Wallace nasceu a 1 de Abril de 1875, Ashburnham Grove, Greenwich, Londres. Os pais, os actores Polly Richards e Richard Horatio Edgar Marriott, que usava o nome de Walter Wallace, entregaram-no para adopção a George Freeman. O jovem Edgar deixou a escola aos 12 anos, teve vários empregos antes de se alistar no exército aos 18 anos, ao serviço do Royal West Kent Regiment, entre 1893 e 1896. Neste último ano, Wallace viajou para a África do Sul, onde serviu no Medical Staff Corps. Durante este tempo escreveu poemas, bem como reportagens para vários jornais. Na tropa, chamavam-no "the soldier poet", o soldado poeta. Os seus poemas de então foram reunidos no volume The Mission That Failed (1898).

Depois de regressar à vida civil, tornou-se correspondente para a Reuters e trabalhou para vários jornais: Daily Mail (1903-07/1930-32), Standard (1910), The Week-End Racing Supplement (1910-12), Evening News (1910-12), The Story Journal (1913), Town Topics (1913-16), e The Star (1927-32). Em 1902 foi igualmente editor do Royal Daily Mail em Joanesburgo antes de regressar a Londres.

Casou com Ivy Maude Caldecott, de quem teve uma filha em 1900, Eleanor Clare Hellier Wallace. Em 1904 nasce o seu filho Bryan Edgar Wallace e em 1908 a terceira filha do casal, Patricia Marion Caldecott Wallace. Devido a constante esbanjamento de dinheiro, o casamento começou a entrar em rotura, apesar do nascimento do quarto filho em 1916, de nome Michael Blair Wallace. Finalmente divorciou-se em 1918 e em 1921 casou-se com Violet King, sua secretária, de quem teve uma filha, Penelope Wallace, nascida em 1923. Ainda assim, a morte da sua primeira mulher em 1925 devido a cancro da mama deixou-o emocionalmente devastado.

Nos anos 20 e 30, do Século XX, Wallace era o escritor de mistério mais famoso na Europa e nos Estados Unidos. Muitos atribuem-lhe a invenção do thriller moderno e as suas obras têm enredos complexos mas claramente desenvolvidos e são famosas pelo seu suspense. Ganhou muito dinheiro com os direitos de autor mas perdeu-o devido à vida extravagante que levou e às apostas nos cavalos. Wallace morreu a 10 de Fevereiro de 1932, a caminho de Hollywood para escrever o argumento do filme King Kong.

O seu primeiro romance The Four Just Men (Os Quatro Homens Justos), publicado em 1905, foi baseado em matéria que colheu como repórter de um crime. Seguiu-se Sanders of the River (1911). Entre as suas obras mais populares destacam-se On the Spot (1931, Na Boca do Lobo) e a sua autobiografia People: Edgar Wallace, The Biography of a Phenomenon (1926). Centenas de romances e peças de Wallace foram adaptados ao cinema e à televisão.

 

 

 

A Casa do Medo

A Porta das Sete Chaves

A Melodia da Morte

A Quarta Praga

Bosambo

O Abade Negro

O Arqueiro Verde

O Bando Terrivel

O Homem de Marrocos

O Homem que Sabia  

Os Homens de Borracha

Os Quatro Homens Justos

O Terror Verde

O Vale dos Fantasmas

Uma Canção nas Trevas

 

 

 

 

  ... o encontro dos maiores autores da Literatura Mundial